Análise da Imagem de Satélite


Na imagem das 02:10 GMT de 17/06/2019, nota-se nebulosidade no Atlântico Equatorial, AP e países vizinhos, associada à Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) e ao escoamento dos ventos na alta troposfera. A termodinâmica e os ventos em altos e baixos níveis favorecem a nebulosidade isolada na faixa norte do país. Os ventos de leste/sudeste em baixos níveis favorecem a nebulosidade no leste do Nordeste. Máximos de vento em altitude e um sistema frontal contribuem para a nebulosidade entre o norte da Argentina, RS e Uruguai e Atlântico adjacente. Um vórtice em altos níveis favorece a nebulosidade no Chile e áreas do oeste e do norte da Patagônia Argentina.

Atualizado16/06/2019 - 23:50